AOJESP

AOJESP requer e Governo de SP nega mais uma vez vacinação dos Oficiais de Justiça

O governo do estado de São Paulo negou, mais uma vez, a inclusão dos Oficiais de Justiça na ordem prioritária de vacinação junto contra a Covid-19. A resposta da secretaria estadual de Saúde foi despachada no dia 28 de maio 2021 e se refere a um pedido da AOJESP para que a categoria fosse vacinada junto com os profissionais de Segurança Pública e Administração Penitenciária. Este grupo foi convidado a ser imunizado a partir do dia 5 de abril de 2021.

A AOJESP vem adotando diversas ações nas esferas municipal, estadual e federal para tentar viabilizar a vacinação para os Oficiais de Justiça, mas todos os pedidos têm sido negados.

Vale lembrar que a natureza essencialmente EXTERNA da função exige que estes servidores mantenham contato permanente com pessoas para dar cumprimento às determinações judiciais. Essa característica faz com que os Oficiais de Justiça, além de ficarem mais expostos à contaminação, se tornem vetores exponenciais de contaminação para toda a sociedade, já que transitam por todos os setores da sociedade.

A Entidade segue buscando alternativas para tentar sensibilizar o poder público e vacinar a categoria.

Veja a íntegra da resposta secretaria de Saúde de São Paulo:

João Paulo Rodrigues

Jornalista (MTE 977/AL), Mestre em Comunicação e Jornalismo pela Universidade Autònoma de Barcelona.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo